Rio de JaneiroTracklogs

Tracklog Travessia Petrópolis-Teresópolis – PNSO – RJ

Atenção: não use os tracklogs como única fonte de orientação, muitos arquivos foram enviados para publicação por terceiros e nem todos foram checados quanto a exatidão dos pontos. Para abrir os arquivos, edita-los ou sincroniza-los com o GPS use o software gratuito GPS TrackMaker.

Visualização do tracklog

Trekker, montanhista, mochileiro e ciclista. Pratica esportes outdoor desde 1990. Apaixonado por equipamentos, fotografia, viagens, cerveja e tecnologia.

You may also like

4 Comments

  1. Muito boa a matéria. Fiz a Travessia sentido Petrópolis para Teresópolis onde resido, entre os dias 13 e15 de junho de 2017. Fomos em um grupo de 3 montanhistas, nenhum de nós tinha feito anteriormente esse trajeto. Mas foi muito tranquilo, apesar de termos pego um pouco de neblina e chuvisco no trecho do 2. dia entre o Açú e a Pedra do Sino. As setas metálicas instaladas em varios pontos de lajes foram uteis e o tracklog em nosso GPS deram uma certa tranquilidade. Mas na verdade poucas duvidas tivemos para usar o aparelho. Abraços!

    1. Era justamente o comentário que eu precisava, meu amigo! Estou indo sozinho nesse feriado encarar essa. Não tenho GPS e estou tentando sem sucesso achar algum APP para Android que me permita importar Tracklogs. Vamos na cara e coragem mesmo!

      1. Oi Moisés. O ideal é que você não vá sozinho e ainda mais sem algum tipo de orientação extra, seja por GPS ou mapa e bússola (caso saiba usar). Independente da sinalização atual estar melhor do que no passado ainda existe a possibilidade de se perder no segundo dia de caminhada e ainda existem trechos onde você pode precisar de algum tipo de ajuda, como no elevador, mergulho antes da subida do cavalinho e no cavalinho em si. Além, é claro, do risco de algum acidente. A montanha é sempre um ambiente que oferece risco, independente da experiência do caminhante/montanhista, portanto minimizar esses riscos é uma obrigação de qualquer praticante consciente do montanhismo. A travessia estará cheia neste feriado provavelmente, então procure se juntar a algum outro grupo que esteja percorrendo a trilha, evite caminhar realmente sozinho, principalmente no segundo dia (Açu > Abrigo 4).

  2. Vc tem esse arquivo no formato GPX? Ou sabe como faço para salvar no Garmin Fenix 5?

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.