CalçadosEquipamentos e Reviews

Review Bota Dakota WP Hi-Tec

A bota Dakota WP da Hi-Tec é um modelo confortável e impermeável/respirável desta marca inglesa que existe desde 1974. Nós testamos este modelo em diversas situações diferentes, incluindo pisos úmidos, encharcados e secos, indo desde a areia, grama e terra batida até a rocha, pedras e asfalto. Foram feitos testes durante dois meses, em caminhadas com mochilas leves e cargueiras. Foram usadas meias técnicas de coolmax, lã de merino e meias comuns de algodão durante os testes.

Dakota Hi-Tec

Algumas fotos feitas durante os testes:

Dakota WP

Foto: Luiza Campello

bota impermeável da Hi-Tec

Foto: Luiza Campello

Dakota WP

Teste sobre pedras da Bota Dakota

Foto: Luiza Campello

O primeiro detalhe a ser comentado sobre a Dakota com certeza é o seu conforto, a região frontal é larga e bem espaçosa não incomodando os dedos do usuário, mesmo quando ela é usada em conjunto com meias de trekking mais grossas. As palmilhas são as confortáveis Ortholite – já famosa no mercado e comum em alguns calçados para uso outdoor de marcas internacionais. Elas contam com tecnologias anti-odor e anti-microbiana. Mesmo durante o teste que fizemos usando meias comuns de algodão elas não incomodaram.

Palmilha especial da Ortholite

Com relação ao cadarço a bota não apresentou nenhum problema e vale destacar as bordas metálicas dos passadores que ficam logo no começo do cano, essas bordas facilitam o deslizar do cadarço e impedem que eles rasguem por causa do atrito com as alças por onde o cadarço passa (foto abaixo). Logo acima deste passador temos duas pequenas travas de metal que exigem uma certa atenção – já que se o cadarço não for bem preso ele ficará soltando, durante os testes eles não soltaram em momento algum, mas algumas vezes me fizeram perder mais tempo para amarrar a bota.

Passadores

Veja o passador do cadarço com as bordas metálicas e logo acima dele as duas travas do cadarço que pedem um pouco mais de atenção ao calçar.

O corpo da Dakota WP é feito em camurça com áreas em uma malha reforçada. Nos pontos de maior desgaste ela conta uma com proteção extra. A impermeabilização se saiu muito bem em testes feitos em trilhas molhadas, riachos e em poças mais profundas (inclusive permanecendo parado por alguns minutos dentro d’água), claro que durante os testes a água não ultrapassou o nível onde a lingueta encontra o cano da bota – logo acima do passador metálico no início do cano.

Apesar do corpo em camurça a Dakota WP é uma bota leve, principalmente pela construção do solado que conta com uma entressola em EVA – maximizando o conforto sem aumentar o peso. O solado MDT de borracha de carbono se mostrou bem aderente, porém um pouco menos que o modelo usado em outra bota da Hi-Tec – a Buxton. Mas mesmo assim não chega a ser um solado ruim com o piso úmido, na verdade neste quesito ele é bem melhor do que muitos outros modelos de solados disponíveis no mercado nacional.

Um ponto que merece comentários é o desgaste apresentado nas travas da parte central do solado, abaixo do calcanhar. Essas travas em formato de “dentes de serra” possuem a função de frenagem e por terem um desenho mais frágil sofreram um desgaste maior do que o resto do solado.

Travas da bota

Solado da Dakota WP

Bota para trilha

Vista da lateral da Dakota WP

A Dakota é uma bota que se destaca pela impermeabilidade, conforto e peso, principalmente.

Avaliação e Nota final

Produto: Bota Dakota WP
Uso: bota para trilhas médias e longas
Fabricante: Hi-Tec

Ponto positivos: Impermeabilidade, respirabilidade, conforto, qualidade da palmilha e dos materiais usados na construção do corpo da bota.

Pontos negativos: Apresentou um desgaste mais rápido das travas centrais da parte de frenagem do solado (região abaixo do calcanhar). As travas que prendem o cadarço na parte superior do cano exigem uma atenção ao amarrar a bota para que não soltem durante a caminhada, contudo se bem amarrados os cadarços não soltam.

Perfil de usuário: Qualquer usuário que queira uma bota confortável e impermeável para uso em terrenos variados com mochilas leves ou cargueiras.

Comentários e Extras

O corpo da bota resistiu muito bem a abrasão contra rocha e mesmo entalando levemente o pé em alguns pontos (durante a subida da carrasqueira na Pedra da Gávea) a biqueira ou as laterais não apresentaram danos.

O item “Facilidade de Uso” perdeu um ponto por causa da questão dos passadores superiores que dão um pouco de trabalho para fixar o cadarço. Já o item “Solado” perdeu dois pontos e o item “Resistência” perdeu um ponto pelo desgaste apresentado da parte de frenagem (região do calcanhar), as travas centrais desta região desgastaram com certa rapidez se comparadas com o resto do solado.

Para comprar a bota Dakota WP:

Trekker, montanhista, mochileiro e ciclista. Pratica esportes outdoor desde 1990. Apaixonado por equipamentos, fotografia, viagens, cerveja e tecnologia.

You may also like

3 Comments

  1. vlw amigo, ajudou muito na decisao! Espero q seja tao bom qto a Timberland

  2. Valeu, Mario.
    Ótimos comentários. Ajudou pra caramba. Acabei comprando a bota na black friday. Preço justo.

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *