Equipamentos e ReviewsVestuário

Meias Lorpen – Trekking Coolmax TCCF

A maioria pensa que meia é tudo igual. Eu também pensava assim. Recebi da Proativa 21 as meias Lorpen para testar. Assim que chegarão comecei a ler a embalagem:

* Capa exterior com 15% de poliamida (nylon) = mais durabilidade
* Capa interior com 75% coolmax = expulsa o suor para manter o pé seco e confortável.
* Toda a meia com 10% de lycra = evita que a meia escorregue com o uso e a torna mais adptada ao pé
* Calcanhar é mais macio = melhora o amortecimento
* A ponta da meia é unida ponto a ponto = não existem relevos que possam incomodar os dedos.
Termos técnicos ! Vamos a prática ! A sensação nos pés quando se calça a meia Lorpen é algo surreal. Quase se ouve os pés agradecendo tanto conforto.
As testei em condições bem duras – uma trilha na Serra de Orgãos – andei mais de 22 km ! A impressão é de se estar usando chinelos.

Quem usa calçados para trekking sabe o quão desconfortável é andar demais, pois logo começam a aparecer dores, bolhas, calos e suor. Com as meias Lorpen isso são coisas do passado !!
Meias Lorpen agora sempre farão partes das minhas aventuras. As recomendo para esportistas e não esportistas, afinal conforto para os pés todo mundo merece. Eu usei e aprovei as meias Lorpen !!!
Apaixonada pelas coisas boas da vida: montanhas, trilhas, aventuras, viagens e amigos.

    7 Comments

    1. Conhece a Forclaz da Quechua? Sabe me dizer qual a diferença entre elas? Achei essa Lorpen caro para meu bolso.

    2. Conheço de nome e de ouvir amigos falando. Parte do pessoal que mochilou comigo em 2009 por uns 30-45 dias estava usando meias da Quechua. Eu nunca usei, então não posso falar pessoalmente delas mas não ouvi reclamação até agora principalmente do modelo mais robusto, 400 ou 500 se não estou enganado. Vou testar amanhã se o tempo ajudar um par de meias inglesas da Bridgedale, que são mais baratas que as Lorpen (são ótimas mesmo). Essas inglesas são muito bem faladas lá fora, agora, ainda não as vi a venda aqui no Brasil só na Europa e EUA. Tenho muita coisa da Quechua e não posso reclamar de nada por enquanto, desde mochila cargueira até travesseiro inflável.

    3. Eu perguntei porque uso as Forclaz 100 (trekking leve) mas eu gostaria de experimentar outros modelos/marcas quando for comprar mais.

      Abraços

      1. Só não gosto muito das meias da Selene, acho que acabam rápido e não são tão confortáveis quanto as outras que já usei. Da Selene eu tenho um par para trekking que uso só em situações leves.

    4. Oi Mário, fiquei curiosa com o resultado das meias Bridgedale. E aí, aprovou?
      Abraços

    5. Olá Camila, As Bridgedale são boas, mas definitivamente a Lorpen é a melhor meia que eu já vi aqui no país, elas são mais confortáveis que as Bridgedale. E vale lembrar que a Bridgedale não tem no país para vender!

      Abraços!

    6. Beleza Mário! Obrigada.
      Um amigo vai trazer pra mim e julho umas da marca Darn Tough, conhece? É uma marca americana. Já ouvi falar muito bem delas lá fora. Também não achei no Brasil.
      []’s,

    Leave a reply

    O seu endereço de e-mail não será publicado.