Tutoriais e Técnica

Entendendo os tecidos impermeáveis-respiráveis

Anoraks e calças impermeáveis e respiráveis são comuns lá fora e chamam a atenção de alguns praticantes de esportes outddor aqui no Brasil por ser um material impermeável e que permitiria o corpo suar e teoricamente o tecido eliminaria o suor – notaram o “teoricamente”? Então…

O tecido respirável é um material bem fino e leve composto de pequenas camadas que permitem que vapor do suor gerado pelo corpo “transpire” pelo tecido, indo para fora. E ao mesmo tempo ele impede que a água externa – chuva por exemplo – entre pela roupa. Mas como isso é possível na prática?

Existem várias membranas impermeáveis respiráveis: Gore-tex, Novadry, Sympatex, Respiratex e outros “tex” da vida” Efetivamente todos trabalham baseados no mesmo princípio:

Goretex

A mágica do tecido respirável está no tamanho das moléculas de vapor do suor e das moléculas de água. O tecido é composto por vários pequenos poros que são menores do que a molécula de água (assim eles impedem sua entrada), porém os poros são grandes para as moléculas de vapor, que conseguem atravessar sem problemas o tecido em direção ao exterior e gerar assim um efeito de regulação térmica para o corpo, como mostra a ilustração acima.

Existem aplicações de Gore-Tex e outras membranas em anoraks, luvas, calças, calçados…

Ah então eu posso comprar um anorak respirável e fazer uma travessia debaixo de sol que não vou suar loucamente?

Vai, e vai pingar por dentro do mesmo jeito, um pouco menos mas vai! Por quê? Por causa de duas situações, ambas ligadas a questões de clima.

A umidade externa, chuva e até mesmo o suor que o tecido eliminou – se forem em grande quantidade – irão se acumular do lado de fora da membrana e bloquearão a saída do vapor de suor produzido pelo corpo, isso irá fazer com que a respirabilidade do tecido não funcione corretamente! Isso acontece por que esses tecidos foram criados para uso em locais de clima mais seco, com o ar mais seco e com temperaturas menores – bem diferente da situação que encontramos aqui no Brasil.

Outro fator para a imperfeição deste tipo de tecido por aqui é que se a pessoa fizer um esforço muito grande ou por muito tempo sob uma temperatura que a faça suar muito esse volume de suor pode ultrapassar o limite de evaporação do tecido e quando isso ocorre o suor passa a se condensar e se concentrar entre a roupa e a pele (ou a outra camada de roupa). Quando o suor fica em foma de líquido ele não consegue passar pelos micro poros do tecido respirável, como o vapor consegue, e inevitavelmente ele fica concentrado no lado de dentro da roupa…

Outro detalhe importante com relação aos tecidos impermeáveis-respiráveis – principalmente quando usados em casacos ou calças – é que eles são tecidos mais frágeis, menos robustos, do que muitos daqueles que usamos aqui no país em calças e anoraks. Isso é um problema quando pensamos na nossa vegetação, um material mais fino pode facilmente agarrar e ser danificado pela vegetação mais fechada de uma trilha. Esse é um ponto que demanda cuidado da parte de quem usa esse tipo de casaco por aqui!

Mas então onde eu vou usar bem um material com tecido impermeável e respirável?

As botas irão funcionar bem no Brasil em geral. Já os casacos e calças podem ser usados em ambiente de montanha, nos campings em locais frios e em caminhadas com temperaturas mais baixas e/ou debaixo de chuva. Mas cuidado com o uso deles em dias de temperatura mais alta um pouco, em locais com vegetação fechada ou em grandes deslocamentos onde o esforço produza muito suor.

O ambiente ideal para este tipo de tecido funcionar corretamente é em um local seco e frio – montanhas no Andes, Patagônia, Alpes e por aí vai.

Bons ventos e boas trips! Hasta!

Trekker, montanhista, mochileiro e ciclista. Pratica esportes outdoor desde 1990. Apaixonado por equipamentos, fotografia, viagens, cerveja e tecnologia.

You may also like

9 Comments

  1. Onde comprar o tecido impermeável? E qual o preço?

  2. Oi,
    gostaria de saber se tu tem livros ou artigos para indicar que falem sobre o assunto.

    1. Tenho alguns em inglês! Não aqui no computador onde eu estou, mas você consegue achar isso no Google, existem mais artigos disponíveis em inglês do que em português. Abs!

  3. Há quem venda o tecido aqui no Brasil ?

    1. Infelizmente não que eu conheça, Robles. E mesmo se houver acredito que será importado e com um volume mínimo de compra alto.

  4. A questão é: o que usar para chuvas fortes com temperaturas quentes, como no verão brasileiro? Pesquisei muito e só achei o que não usar.

    1. Oi Juliana. Depende de algumas situações, por exemplo:

      1. Está chovendo muito, você está em movimento intenso e está quente para um anorak (ainda que respirável ou que vc o deixe aberto) – numa situação assim, se a temperatura e o vento não forem um risco para uma hipotermia, você pode pegar chuva sem problema. Escolha uma roupa leve e com tecido sintético e deixe molhar. Procure acampar antes do por do sol, monte sua barraca, se seque e coloque roupas secas.

      2. Se você estiver na mesma situação anterior e não quiser se molhar – pense em um anorak leve e respirável, se possível; ou reduza o ritmo de caminhada para evitar o aquecimento excessivo dentro do anorak. O anorak vai te proteger da chuva e você pode usá-lo um pouco aberto para garantir alguma ventilação. Só não deixe o “ambiente” dentro dele ficar quente demais, sempre controle essa temperatura, abrindo ou fechando o anorak quando for necessário.

      3. Está chovendo muito e a temperatura baixou ao ponto de incomodar – use um anorak e vá controlando a abertura dele para melhorar a ventilação ou aumentar a proteção de acordo com a temperatura e o vento do local.

      PS.: Cuidado com as chuvas de verão, nessa época as tempestades podem se formar rapidamente e a incidência de raios é bem maior, portanto, sempre fique atenta neste cenário.

      1. Obrigada, Mario! Elucidou bastante. Estava querendo comprar um sof shell pra usar no inverno ameno (7° a 24°), mas com sua explicação acho que será melhor eu comprar o anorak respirável e um fleece, pois poderei aproveitar o anorak para o verão.
        A maior preocupação nas explicações sempre é o inverno, me ajudou bastante.

        1. Nada! Eu tenho dois softshells aqui e uso eles mais nas viagens urbanas do que na montanha/trilha. Eles são uma boa solução quando você precisa de aquecimento e alguma proteção para chuva, mas pecam justamente na falta de flexibilidade. Com um conjunto anorak+ fleece você pode usar eles separados, ou juntos, ganhando um leque de opções melhor.

          Sim, a maior preocupação é sempre o frio/vento/chuva (separados ou combinados). O importante é que você esteja preparada adequadamente e não se coloque em risco permitindo um quadro de hipotermia. Vale citar que um anorak é um item obrigatório na sua mochila, até mesmo em trilhas simples. Já passei por várias situações onde o dia estava lindo e no alto da montanha ventava muito, o que fazia a sensação térmica despencar. Nessas horas ter um anorak é importante.

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *